Entrevista exclusiva com Lula
28 de outubro de 2019, 12h04

Depois do governo alegar que óleo cessou no litoral, novas manchas aparecem no RN

Ao todo, seis praias voltaram a sofrer com o vazamento de óleo no estado. Voluntários já atuam na região para realizar a limpeza

Manchas de óleo que apareceram em praias do RN. - Foto: Reprodução

Manchas de óleo voltaram a aparecer em seis praias do Rio Grande do Norte neste domingo (27), segundo informou o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema). Ao todo, seis praias foram atingidas, mas voluntários já estão fazendo a limpeza dos locais. Mais cedo neste mesmo dia, o governo informou que o litoral estava livre da chegada de novos resíduos.

As praias que registraram manchas foram Tabatinga, Búzios e Camurupim, as três no município de Nísia Floresta; a Praia do Giz e a Praia do Amor, em Tibau do Sul, além de Pirangi do Norte, em Parnamirim.

De acordo com o Ibama, desde setembro, o estado teve 46 praias manchadas pelo óleo cru. As seis do último fim de semana já haviam sido atingidas anteriormente.

O governo, no entanto, não previu a nova leva de manchas de óleo. Em nota, o Grupo de Avaliação e Acompanhamento (GAA), formado por Marinha, Agência Nacional de Petróleo (ANP) e Ibama, alegou no domingo (27) que a situação do litoral nordestino está melhorando e que as praias já não apresentavam óleo do vazamento, mas, apenas “pelotas” de petróleo no mar que poderiam ser recolhidas quando chegassem às praias.

As manchas de petróleo em praias do Nordeste já atingiram 225 localidades em 80 municípios de 9 estados desde o final de agosto.

Com informações do G1.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum