Doria deve decretar toque de recolher das 22h às 5h em todo o estado de SP

Medida é defendida pelo Centro de Contingência da Covid-19 diante da explosão dos casos e aumento das internações hospitalares

Nesta quarta-feira (24) o governo do estado de São Paulo deve anunciar o endurecimento de medidas de restrição para conter o avanço do coronavírus. Entre essas medidas, deve constar um toque de recolher das 22h às 5h em todas as cidades do estado.

A medida, de acordo com o jornal Estadão, foi defendida em reunião nesta terça-feira (23) pelo Centro de Contingência da Covid-19 e conta com o apoio do governador João Doria (PSDB).

O endurecimento das restrições vem em meio a alta dos casos de Covid no estado. Na segunda-feira (22), São Paulo registrou o maior número de internações em Unidades de Terapia Intensiva desde o início da pandemia.

Atualmente, quatro regiões do estado estão na classificação vermelha, isto é, a que aponta maior risco de contágio e requer mais restrições, seis estão na classificação laranja e 5 na classificação amarela, com medidas mais flexíveis, incluindo a capital paulista.

As novas medidas restritivas não preveem, entretanto, o fechamento de escolas, mesmo diante do fato de que há inúmeros relatos de contágios entre alunos, funcionários e professores e o fato de que professores da rede estadual estão em greve contra a reabertura.

Algumas cidades do estado já implantaram restrições mais duras por conta da explosão de casos de coronavírus, como é o caso de Araraquara, que impôs um lockdown total de três dias. Na semana passada, o governador João Doria chegou a elogiar o prefeito da cidade, Edinho Silva (PT), pela medida.

“O Edinho tem sido um extraordinário prefeito, disciplinado com relação às orientações que recebe do centro de contingência da Covi19. Uma pessoa com compaixão, suportando todas as pressões da sociedade, mas ele está agindo certo”, disse o governador tucano.

“A prioridade em Araraquara e do prefeito é proteger vidas. Parabéns, prefeito, pela sua atitude”, completou Doria.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista e repórter especial da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR