Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
04 de julho de 2019, 09h49

Empresário se suicida com tiro na boca em evento com ministro de Minas e Energia e governador de Sergipe

Logo após a fala do governador, o empresário Sadi Gitz gritou: “Belivaldo, você é mentiroso” e deu um tiro na própria boca

O empresário Sadi Gitz (Prefeitura de Aracaju)

Um empresário cometeu suicídio na manhã desta quinta-feira (4) no Radisson Hotel, em Aracaju (SE), momentos antes do início do Simpósio de Oportunidades: Novo cenário do gás natural em Sergipe.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

O ato foi cometido pelo empresário gaúcho Sadi Paulo Castiel Gitz, dono de uma empresa chamada Escurial e ex-diretor da Associação Comercial de Sergipe (Acese), após discurso do governador Belivaldo Chagas (PSD).

Logo após a fala do governador, o empresário, que estava sentado, teria gritado: “Belivaldo, você é mentiroso” e dado um tiro na própria boca.

O ministro de Minas e Energia, Bento Costa Lima e Leite, estava presente ao evento. O simpósio foi encerrado imediatamente.

O governo do estado de Sergipe emitiu uma nota lamentando o ocorrido com o empresário e confirmou o cancelamento do evento.

“O governo do estado de Sergipe lamenta o ocorrido com o empresário Sadi Gitz, da cerâmica Escurial, que cometeu suicídio durante o evento. Por conta do ocorrido, o Simpósio de Oportunidades para o novo cenário do gás natural em Sergipe está cancelado”, diz a nota.

Hibernação
Segundo informações obtidas pela Fórum, em maio a cerâmica que Sadi era diretor presidente, localizada no município de Nossa Senhora do Socorro, na Grande Aracaju, deu início a um processo de hibernação.

De acordo com a administração da empresa, isso representou uma perda de mais de 600 empregos diretos e indiretos. O motivo determinante para a hibernação, segundo a fábrica, foi o preço do gás cobrado pela Sergipe Gás (Sergas), empresa concessionária do Governo do Estado.

Cerâmica Sergipe
Nascido em Porto Alegre, Sadi Paulo Castiel Gitz era graduado em Matemática, Engenharia Mecânica e Administração, com pós-graduação em Engenharia Naval e Engenharia de Segurança pela PUC do Rio Grande do Sul e MBA em Gestão pela Fundação Getúlio Vargas.

No serviço público atuou na Superintendência de Transporte e Trânsito (SMTT) e na Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb). Ex-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese), atuava como diretor presidente da Cerâmica Sergipe S/A, fundada por ele em 1986.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum