Brasil

“Errei, mas não merecia ser humilhado”, diz homem arrastado por PM ao Fantástico

Jhonny Italo da Silva, de 18 anos, disse que teve "medo de morrer". Em vídeo que viralizou nas redes sociais, ele aparece algemado a uma moto e sendo arrastado por um policial militar

Compartilhar

Jhonny Italo da Silva, de 18 anos, que foi algemado a uma moto e arrastado por um policial militar em vídeo que viralizou nas redes sociais, escreveu um bilhete para o Fantástico falando sobre o episódio. “Me senti humilhado, tive medo de morrer. Cometi um erro, mas não merecia ser humilhado”, disse.

Ele estava respondendo em liberdade a um processo por tráfico de drogas e foi pego transportando maconha após bater com sua moto. As imagens foram gravadas por uma pessoa, que ri e debocha da situação de tortura. “Filma aí! Algemou e está andando igual um escravo. Óia. Vai roubar mais agora?”, afirma no vídeo.

Em conversa com o Fantástico, a irmã de Jhnonny admitiu que ele estava errado, mas lamentou a postura do PM e as palavras de quem gravou o vídeo. “Não era certo o que ele estava fazendo, mas também não foi certo o que o policial fez com ele. Ali ele estava em um momento precisando de ajuda, e não de ser julgado”, afirmou Larissa.

Notícias relacionadas

PM foi afastado

A juíza Julia Martinez Alonso de Almeida Alvim, que atua no Departamento de Inquéritos Criminais do Fórum Barra Funda, na capital paulista, converteu a prisão de Jhnonny em preventiva. Ela disse que “não vê ilegalidade” na atitude bárbara do agente de segurançaque remete à escravidão.

O agente da Polícia Militar de São Paulo (PMESP), por sua vez, foi afastado das atividades de rua pelo comando da corporação. A ação arbitrária do policial foi registrada por motoristas que transitavam pela avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello, em São Paulo, no último dia 30.

Nas imagens, gravadas por um motorista que passava pelo local, é possível ver que um homem negro está algemado à motocicleta do PM e é puxado com o veículo em movimento. O homem corre para não cair no chão.

Este post foi modificado pela última vez em 6 dez 2021 - 07:44 07:44

Carolina Fortes

Repórter colaborativa no site Emerge Mag e antiga editora-assistente no site da Jovem Pan. Ex-repórter no site Elástica. Formada em jornalismo e faz a segunda graduação em Letras na Universidade de São Paulo (USP). Acredita no jornalismo como forma de impacto social e defende maior inclusão e representatividade.

Por
Carolina Fortes

Última hora

  • Brasil

Justiça determina que Sara Giromini pague R$ 15 mil de indenização a antropóloga

Ex-bolsonarista tem duas semanas para acertar as contas com a acadêmica Débora Diniz, a quem…

23 jan 2022 - 22:54
  • Brasil

Entusiasta da violência policial, Eduardo Bolsonaro se indigna com abordagem a “atiradores”

Deputado de extrema direita é defensor incondicional das policiais e de ações violentas por parte…

23 jan 2022 - 22:27
  • Brasil

VÍDEO: PM bate no rosto de mulher em Porto Seguro (BA)

Policial agrediu jovem em público, mesmo sendo filmado, no sul da Bahia. Imagens geraram indignação…

23 jan 2022 - 21:37
  • Política

Recorde histórico: Bolsonaro repassou R$ 25,1 bilhões a parlamentares do Centrão em 2021

Para "governar", presidente extremista empenhou maior volume do Orçamento de todos os tempos para redutos…

23 jan 2022 - 20:48
  • Debates

Lula avança – Por Aloizio Mercadante

Conforme Lula consolida sua vitória e amplia a vantagem em todas as pesquisas, há um…

23 jan 2022 - 19:30
  • Cultura

25ª Mostra de Cinema de Tiradentes: Chico Diaz em berço esplêndido de criação – Por Filippo Pitanga

Repleta de filmes inéditos e exclusivos, de lançamento mundial, a ditar tendências e diálogos de…

23 jan 2022 - 19:16