Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
15 de dezembro de 2019, 19h44

Faixa antifascista é recolhida em campeonato de Tênis de Mesa após reação de bolsonarista

"Sou bolsonarista e quero essa merda retirada", teria dito um torcedor irritado ao ver o grupo Raquetadas Contra o Fascismo

Reprodução/Twitter

Após a Polícia Militar do Rio de Janeiro exigir que uma torcedora do Botafogo guardasse uma faixa do grupo Botafogo Antifascista no estádio Nilton Santos, foi a vez do grupo Raquetadas Contra o Fascismo ser censurado no Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa (CBTM) neste domingo (15), no Centro Paralímpico de São Paulo. A causa da remoção teria sido a revolta de um senhora que afirmou ter se incomodado por ser bolsonarista.

“A bandeira do Raquetadas Contra O Fascismo foi retirada pela segurança do Centro Paralímpico a pedido de um membro da CBTM que alegou ser “político-partidária”. Estamos aguardando uma posição do Comitê Paralímpico Brasileiro – pois não há partido na bandeira (embora alguns vejam uma carapuça)”, criticou o mesa-tenista Ken Fujioka.

Após o questionamento do atleta, o CBTM publicou nota dizendo que o pedido de retirada da faixa “atendia ao pedido de outros torcedores, incomodados com a manifestação. Havia uma discussão áspera na arquibancada, colocando em risco a segurança de todos os demais”.

Fujioka negou e disse que apenas uma pessoa, que declarou ser bolsonarista, se incomodou. “A nota não reflete o ocorrido. UMA ÚNICA pessoa, identificada por presentes como “Didi”, demonstrou incômodo pela bandeira e queria confiscá-la. E, diferentemente da bandeira, apartidária, esse senhor afirmou: “sou bolsonarista e quero essa merda retirada”, publicou.

Com informações do blog Olhar Olímpico, do Uol


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum