Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
05 de dezembro de 2019, 10h40

Líder indígena Davi Kopenawa recebe Nobel Alternativo em Estocolmo

Kopenawa é uma das principais vozes contra a exploração do garimpo e pela luta da demarcação de terras indígenas

Instituto Socioambiental/Dani Pérez

Conhecido como Prêmio Nobel Alternativo, o Right Livelihood Award homenageou nesta quarta-feira (4) a luta indígena do líder Davi Kopenawa, do povo Yanomami. Além dele, personalidades do ativismo climático e feminista também foram mencionados na premiação, que aconteceu em Estocolmo, na Suécia.

Kopenawa é um importante ativista da causa indígena, sendo um dos responsáveis por pressionar o governo brasileiro a urgentemente expulsar os garimpeiros e delimitar as terras de outros povos indígenas. “Invadem e destroem a nossa terra, poluem os nossos rios e matam os nossos peixes com o seu mercúrio. Estamos morrendo, doentes de malária, tuberculose, oncocercose, câncer, gripe, sarampo e doenças sexualmente transmissíveis”, denunciou em discurso durante o evento.

Kopenawa esteve presente na premiação ao lado da defensora dos direitos humanos Aminatou Haidar, do Saara Ocidental. Outros vencedores, como a jovem ativista ambiental sueca Greta Thunberg e a advogada chinesa Guo Jianmei, se ausentaram. Greta está em Lisboa, rumo a Madri, para participar da Cúpula do Clima, enquanto Guo informou à organização que não participaria, sem entrar em detalhes sobre a razão.

Os homenageados receberam 1 milhão de coroas suecas cada, o equivalente a R$ 440 mil, e uma escultura feita pelo artista britânico Tony Cragg, usando metal fundido de armas ilegais apreendidas em El Salvador.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum