Entrevista exclusiva com Lula
29 de novembro de 2019, 10h33

Médico bolsonarista assedia atriz que compartilhou notícia sobre morte de idoso em SC

Bruno Caravaggi chama a atriz de hipócrita e de "socialista caviar", além de mandar dezenas de fotos a ela com montagens pedindo a prisão de Lula

Reprodução/Instagram

Depois de compartilhar a notícia de que um apoiador de Jair Bolsonaro assassinou a socos e pontapés um idoso por divergência política em Balneário Camburiú (SC), a atriz Amara Hartamann passou a ser assediada pelo médico Bruno Caravaggi no Instagram. Ele chama a atriz de hipócrita e de “socialista caviar”, além de mandar dezenas de fotos a ela com montagens sobre Lula.

A denúncia partiu do professor de cinema e namorado de Amara, Gus Belschansky. Ele compartilhou no Twitter prints dos ataques de Caravaggi, contando que o médico passou a seguir a namorada nas redes após assistir a uma peça dela. “Eu gostei do ego do sujeito que paga um ingresso de 40 reais e acha que ele é exclusivamente responsável pela sobrevivência da atriz”, ironiza o professor.

É tão delirante isso que ele escreveu que é difícil saber por onde começar. Na verdade essa é a estratégia de comunicação do bolsonarismo, é tão desconectado com a realidade e tão errado que você perde um tempão de tanta coisa que você tem de ensinar”, relatou.

Além de chamá-la de “socialista caviar”, o médico diz que nunca mais assistiria às peças de Amara e que ela deveria fazer turnê na Venezuela. “Você é uma socialista caviar que vive às custas do meu capitalismo em um shopping de classe média alta e é anti-Bolsonaro!”, escreveu. “Você deveria se apresentar embaixo do MASP fumando uma maconha básica e depois fazer turnê na Venezuela. Você é uma grande decepção!”, continuou.

Amara agradeceu aos comentários de apoio no Twitter do namorado e contou que abriu apenas a primeira imagem das que o médico lhe enviou. “Era do Lula logo após sair da cadeia, não vi o que tinha na notícia”, relatou.

A Fórum tentou entrar em contato com Bruno Caravaggi, mas não obteve resposta até então.

Confira os ataques:

 

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum