Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
16 de janeiro de 2020, 15h37

PM usou ao menos 7 bombas e 8 balas de borracha na ação que assassinou 9 jovens em Paraisópolis

O número de munição utilizada pode ser ainda maior porque nem todos os policiais informaram o que usaram durante a ação

Foto: Cleston Teixeira

Segundo o inquérito da Corregedoria da Polícia Militar que investiga as nove mortes causada por ação policial na favela de Paraisópolis, em dezembro, durante baile funk da DZ7, a PM lançou ao menos sete bombas de gás lacrimogênio e disparou pelo menos oito balas de borracha.

As informações do inquérito foram reveladas por reportagem da TV Globo nesta quinta-feira (16). O inquérito tem 1.039 páginas e conta com diversos depoimentos e laudos da perícia. Os 31 agentes que participaram da ação estão entre os depoentes. Todos foram retirados das ruas.

Nem todos os oficiais informaram a quantidade de armamentos utilizada. O número pode ser ainda maior.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), no entanto, manteve cautela. “Ambos os inquéritos acerca dos fatos ocorridos em 1º de dezembro, em Paraisópolis, seguem em andamento. […] Qualquer conclusão antes do término das investigações é prematura”, disse em nota.

Com informações do Uol

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum