Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de janeiro de 2020, 23h44

“Pra mim tanto faz”, diz PM de SP sobre atirar para matar

O disparo efetuado por um policial militar na zona leste de São Paulo teria atingido um cozinheiro no peito; ação do agente foi gravada por moradores locais, mas ele não se intimidou e disse que "tanto faz" quando foi perguntado se estaria matando; vítima está internada em estado grave

Marca do tiro na camiseta do cozinheiro que, segundo a família, teria sido o alvo do disparo do PM que aparece no vídeo (Arquivo Pessoal)

Um policial militar demonstrou frieza ao efetuar um disparo de arma de fogo, na noite deste domingo (26), em uma rua de São Mateus, bairro da zona leste de São Paulo. “Vou ser preso amanhã. Pra mim tanto faz”, respondeu o agente quando perguntado, por um morador do bairro que gravava a ação, se ele estaria “matando alguém”. De acordo com o autor do vídeo, o policial ainda desferiu um soco contra seu rosto logo que a gravação foi encerrada.

O disparo efetuado pelo PM teria atingido o peito de um cozinheiro de 32 anos de idade, que está internado em estado grave. É o que informaram seus familiares ao portal G1. Segundo eles, o cozinheiro estava a cerca de 10 metros da viatura policial, perto de onde aconteceu uma festa de um time de futebol do bairro.

A família contou ainda que tem sido pressionada pelos policiais, que teriam ido até o hospital para os convencer a não registrar boletim de ocorrência. “Estamos com medo”, disse um parente que preferiu não se identificar.

A Polícia Militar, por sua vez, informou através de nota oficial que “avaliará as imagens citadas e adotará as medidas cabíveis após a devida apuração. O caso, registrado como lesão corporal, é investigado pelo 49º Distrito Policial. Equipes da unidade realizam diligências para esclarecer todas as circunstâncias do fato.”

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum