Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
21 de novembro de 2019, 08h33

Professor da Unesp é esfaqueado após ser xingado de macaco no interior de São Paulo

Juarez Xavier, do curso de Jornalismo da Unesp, foi apunhalado com golpes de canivete após ter sido xingado de "macaco" na tarde desta quarta-feira (20), Dia da Consciência Negra, em Bauru

O professor Juarez Xavier, da Unesp (Reprodução/Facebook)

O professor Juarez Xavier, do curso de Jornalismo da Universidade Estadual Paulista (Unesp), foi apunhalado com golpes de canivete após ter sido xingado de “macaco” na tarde desta quarta-feira (20), Dia da Consciência Negra, em Bauru, no interior de São Paulo.

“Fui chamado de macaco. Reagi, fui esfaqueado!”, escreveu Xavier na sua página no Facebook.

Segundo informações do jornal O Estado de S.Paulo, o professor estava fazendo uma caminhada na Avenida Nações Unidas, na cidade interiorana que abriga um dos campi da universidade, quando um homem começou a chamá-lo de “macaco”.

Ao tirar satisfação, o professor foi derrubado e esfaqueado com canivete, que perfurou o ombro e o tórax. Ele foi levado por pessoas que passavam pelo local a uma Unidade de Pronto Atendimento e teve os ferimentos suturados, antes de ser liberado.

Em 2015, o professor Juarez Xavier foi vítima de racismo dentro da própria universidade. Pichações encontradas em um banheiro da instituição o chamavam de “macaco” e ofendiam também alunas negras.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum