O que o brasileiro pensa?
06 de dezembro de 2019, 07h08

Professora faz denúncia de racismo contra aluno que a chamou de “macaca” nas redes

A publicação do estudante mostrava uma imagem com a legenda: "A macaca de sociologia indo repetir todo mundo". Caso ocorreu em Praia Grande, litoral de São Paulo

Reprodução/Facebook

A professora de sociologia Tânia Cristina dos Santos, funcionária da Escola Estadual Professora Sylvia de Mello, em Praia Grande, no litoral Sul de São Paulo, denunciou um aluno que a chamou de “macaca” em uma publicação nas redes sociais. A publicação mostrava uma imagem com a legenda: “A macaca de sociologia indo repetir todo mundo”.

O autor do ato racista foi o aluno do 3º ano do Ensino Médio Gabriel Oscar da Silva Pereira, de 18 anos. O texto foi publicado no dia 25 de outubro, mas a professora só tomou conhecimento sobre o fato nesta semana. Em entrevista ao G1, ela contou que ficou sabendo do caso por meio de uma denúncia de outro estudante.

“Me mandaram o link da publicação e eu vi. Não tenho ele adicionado”, contou. Ao ler o teor da publicação, a professora relata que ficou surpresa. “Não vou dizer que nunca sofri racismo. Mas, em toda a minha vida, nunca foi algo tão na cara dessa forma”.

Imediatamente, ela procurou a Diretoria do colégio para receber orientações sobre como proceder com o caso. “Me deram muito suporte e me incentivaram a registrar um boletim de ocorrência. Em nenhum momento tentaram abafar o caso”.

Um boletim de ocorrência de injúria racial foi registrado na Delegacia Sede de Praia Grande. De acordo com a professora, a escola está aguardando um posicionamento da Diretoria de Ensino para avaliar as ações cabíveis.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum