Brasil

Rachadinhas: 2ª Turma do STF mantém foro privilegiado de Flávio Bolsonaro

Por 3 votos a 1, o colegiado rejeitou ação do Ministério Público do Rio de Janeiro; veja quem votou contra e a favor

Compartilhar

Por 3 votos a 1, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou, nesta terça-feira (30), ação do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) e optou pela manutenção do foro privilegiado para o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) no escândalo das rachadinhas.

O caso estava paralisado no STF havia 16 meses e foi retomado nesta terça (30). Os ministros Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Kássio Nunes Marques votaram pela manutenção do foro. Edson Fachin foi o único que se posicionou contrariamente. 

O ministro Kassio Nunes, nomeado por Jair Bolsonaro, foi o responsável por pautar o caso, depois da liberação do relator Gilmar Mendes.  

Flávio Bolsonaro é acusado pelos crimes de peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro, junto com o ex-assessor Fabrício Queiroz, apontado como operador do esquema, além de mais 15 pessoas. 

O processo tramita no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, mas está praticamente paralisado em função de uma decisão da 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado (TJ-RJ). Em junho de 2020, o órgão garantiu o direito ao filho do presidente e transferiu o processo para a segunda instância.

STJ anula decisões do juiz da 27ª Vara Criminal do Rio

No dia 9 de novembro, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) aceitou um pedido da defesa de Flávio Bolsonaro e anulou as decisões tomadas pelo juiz Flávio Itabaiana, da 27ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

O entendimento dos magistrados do STJ foi de que o senador deve ser julgado pelo órgão especial do TJ, e não pelo juizado de primeira instância.

Este post foi modificado pela última vez em 30 nov 2021 - 17:29 17:29

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.

Por
Lucas Vasques

Última hora

  • Valerio Arcary

Por que marxistas devem defender as cotas raciais? – Por Valerio Arcary

Não é a luta contra o racismo que explica a raiva, exasperação e fúria dos…

20 jan 2022 - 23:20
  • Brasil

Damares e Queiroga visitam criança que teve parada cardíaca mesmo após relação com vacina ser descartada

Ministros parecem estar fazendo campanha antivacina, visto que especialistas já apontaram que parada cardíaca de…

20 jan 2022 - 22:50
  • Cultura

Apanhado do cinema 2021 – Por Cesar Castanha

Confira o que de melhor rolou nas telonas em 2021 no artigo do crítico Cesar…

20 jan 2022 - 22:10
  • Pop Notícias

BBB: Vyni revela que se formou com bolsa do Prouni e Haddad comemora

O ex-ministro Fernando Haddad compartilhou depoimento do participante do BBB; confira

20 jan 2022 - 22:08
  • Política

Vitória em 1º turno à vista: Lula tem a soma de todos os candidatos, diz nova pesquisa

Levantamento PoderData mostra que petista cresceu 2 pontos, enquanto Bolsonaro perdeu o mesmo percentual e…

20 jan 2022 - 21:44
  • Opinião

O homem está trabalhando: não para o povo, mas para se reeleger – Por Raphael Fagundes

Bolsonaro não quer trabalhar, ele quer apenas se reeleger. Aliás, para um político com mais…

20 jan 2022 - 21:40