Fórumcast, o podcast da Fórum
23 de agosto de 2019, 22h15

Sorry, feministas: Rosangela Moro coloca foto da mesa esperando o ministro da Justiça

Esposa de Moro, que está sendo "fritado" por Bolsonaro, contou em seu Instagram que gosta de "cuidar" do marido e aproveitou para cutucar as feministas

Reprodução

Se por um lado o ministro da Justiça, Sérgio Moro, está com a imagem cada vez mais desgastada na opinião pública e vê sua força política ser cada vez mais limitada pelo Planalto, ao menos em casa o ex-juiz de Curitiba tem um acalento.

Foi o que fez questão de mostrar, na noite desta sexta-feira (23), a esposa de Moro, Rosangela Wolf. Ativa nas redes sociais, Rosangela postou a foto de uma mesa de jantar arrumada para receber o marido.

“Mesa posta. Esperando o Ministro da Justiça chegar no Lar! Curitiba gelada e sopinha para aquecer o corpo e ❤️. Sorry feministas. Mas AMO cuidar de quem eu Amo. Eu trabalho eu pago boletos eu dou emprego e eu motivo , mas amo Cuidar !! Bom final de semana! Beijo gelado de Curitiba”, escreveu.

Leia também
Rosangela Moro defende Dalagnoll e mostra mão de Moro em tentativa de transferência de Lula

A postagem de Rosangela vem em meio às especulações de que Moro estaria para ser demitido do governo. Ele vem passando, nas últimas semanas, por um intenso processo de “fritura” por parte de Bolsonaro, principalmente depois que as revelações da Vaza Jato, que mostram suas ações ilegais enquanto juiz em conluio com promotores, vieram à tona.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum