Fórumcast, o podcast da Fórum
18 de fevereiro de 2019, 08h30

Tiros que mataram seis em Manguinhos podem ter partido da torre da Cidade da Polícia

Um funcionário da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) denunciou, pela primeira vez, tiros de ‘snipers’ da Cidade da Polícia em direção à Favela de Manguinhos

Foto: Reprodução TV Globo

De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo, uma torre policial da Cidade da Polícia, unidade administrativa da Polícia Civil do RJ, passará por perícia nesta segunda (18). Há uma suspeita de que tiros feitos a partir dela por snipers vitimaram seis moradores da comunidade de Manguinhos —todos inocentes.

Um funcionário da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) denunciou, pela primeira vez, tiros de ‘snipers’ da Cidade da Polícia em direção à Favela de Manguinhos, vizinha ao complexo de delegacias, em setembro do ano passado. O relato foi feito no Conselho Comunitário de Segurança (CCS) da região.

Os tiros atingiram as pessoas quando saíam para compras ou que voltavam do trabalho. Os relatos dos moradores foram feitos ao Ministério Público Federal do RJ e à Defensoria Pública, que vão participar da perícia.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum