Entrevista exclusiva com Lula
03 de dezembro de 2019, 12h14

Torcedores do time de Bolsonaro expulsam ex-jogador do estádio por não estar com camisa do clube

Diego de Jesus Lima, participante do projeto social Cambalhota do Bem, estava com um amigo e foi humilhado por torcedores

Foto: Reprodução

O ex-jogador de futebol e participante do projeto social Cambalhota do Bem, Diego de Jesus Lima, e um amigo, foram expulsos por torcedores, neste domingo (1), do Allianz Parque, por não estarem com a camisa do Palmeiras, time do presidente Jair Bolsonaro.

Em vídeo que corre nas redes sociais se pode ouvir um dos torcedores ameaçar os dois aos gritos: “Me dá seu celular, me dá seu celular aí c**. Você é palmeirense? Então me dá seu celular”.

A ONG Cambalhota do Bem postou mensagem no Instagram repudiando o caso. “Em uma situação pra lá de humilhante, o nosso grande jogador, amigo e excelente ser humano Diego Lima esteve presente junto com seu amigo para assistir uma partida de futebol no Allianz Parque entre Palmeiras x Flamengo”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Bom dia a todos, amigos, colaboradores e a todos aqueles que gostam de fazer o bem e apreciar um bom futebol, ontem infelizmente tivemos um de nossos membros @diegolimal7 em uma situação pra lá de humilhante, o nosso grande jogador, amigo e excelente ser humano Diego Lima esteve presente junto com seu amigo para assistir uma partida de futebol no Allianz Parque entre Palmeiras x Flamengo como amante do futebol e ex jogador profissional,hoje ele apenas corre atrás do seu sustento jogando na várzea de São Paulo defendendo entre outros times o Botafogo de Guaianases e principalmente o @cambalhotadobem que é um time de AÇÃO SOCIAL, onde buscamos ajudar as pessoas mais necessitadas com cadeiras de roda, prótese, alimentos, medicamentos, etc… e hoje o Lima tem grande participação neste Projeto, além de fazer um belo trabalho nas categorias de base do Botafogo, tentando passar para as crianças carentes do nosso bairro um pouco do conhecimento que ele adquiriu ao longo da sua carreira, mas nem tudo são flores neste mundo do futebol e neste jogo no campo do Palmeiras alguns torcedores irracionais tentaram agredi-los simplesmente pelo fato de não estarem cantando as músicas da torcida, o pior aconteceu longe das câmeras de celulares, quando um grupo de mais ou menos 30 caras liderado por esses mesmo que iniciaram as ameaças correram atrás deles para espancarem , mas Deus colocou ali alguns policias que conseguiram impedir , gostaríamos de localizar estes cidadãos que desrespeitou não só o ser humano como a instituição @cambalhotadobem que ao ser mencionado pelo Lima q era um projeto social o mesmo falou que se f… amigão pedimos a Deus que vc nunca precise de doação pelo motivo ao qual ajudamos as pessoas, não sabemos o q o destino nos reserva. #PaznosEstadios #foxesportes #Sportv #JogoAberto #issonãoétorcedor

Uma publicação compartilhada por Cambalhota do Bem (@cambalhotadobem) em

Não foi o único

No mesmo dia, a torcida também tirou do estádio um torcedor identificado como Edilson por estar trajado ao estilo militar de gala e passar os primeiros 45 minutos da partida sentado lendo um exemplar de Ciência e Revolução, de Karl Marx.

O Palmeiras emitiu uma nota sobre o assunto. Veja abaixo:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum