Fórumcast, o podcast da Fórum
29 de abril de 2019, 20h56

Trabalhadores do Metrô de SP adiam greve

Paralisação que estava prevista para esta terça-feira (30) foi adiada em uma semana; metroviários reivindicam reajustes salariais e melhorias nos benefícios

Foto: Reprodução

Em assembleia realizada na noite desta segunda-feira (29), trabalhadores do Metrô de São Paulo decidiram adiar a greve inicialmente prevista para acontecer nesta terça-feira (30). De acordo com o Sindicato dos Metroviários, a paralisação de 24 horas deverá acontecer no dia 7 de maio.

Os trabalhadores reivindicam melhorias nos salários e nos benefícios, como Vale Alimentação e Vale Refeição, que não tiveram aumento real nos últimos anos. Além disso, o sindicato denuncia que a companhia, gerida pelo governo do Estado de São Paulo, vem promovendo “cortes drásticos” de verbas destinadas ao plano de saúde oferecido aos funcionários.

Ao todo, foram cinco reuniões de negociação entre o sindicato e o Metrô que terminaram sem acordo. Nesta segunda-feira (29), antes dos trabalhadores decidirem adiar a greve, o Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) determinou pagamento de reajuste com base no IPC-FIPE aos metroviários com efeitos em maio, com multa diária de R$ 300 mil em caso de descumprimento.

Caso a greve ainda seja realizada, a Justiça trabalhista determinou que ao menos 70% dos metroviários devem trabalhar nos horários de pico e pelo menos 50% devem comparecer nos demais horários, sob pena de multa R$ 200 mil.

O sindicato decidirá na próxima segunda-feira (6), em nova assembleia, os detalhes da paralisação.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum