Vacina salva: Estado de SP tem o menor número de internados na UTI de toda pandemia

Com 77% de toda as faixas etárias da população vacinadas em duas doses, estado mais populoso do Brasil, com 44 milhões de habitantes, tem apenas 982 pacientes internados com Covid, menor índice desde abril de 2020

Publicidade

Desde que o pesadelo da pandemia da Covid-19 começou, em março de 2020 e com números mais robustos no mês seguinte, em abril, este é o momento que o estado de São Paulo registra a menor quantidade de pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva por causa da doença: 982.

Maior população entre todas as unidades federativas do Brasil, com 44 milhões de pessoas, no auge das contaminações, São Paulo chegou a ter mais de 13 mil doentes internados em leitos de tratamento intensivo ao mesmo tempo por causa da Síndrome Respiratória Aguda Grave provocada pelo coronavírus Sars-Cov-2.

Publicidade

Em números absolutos, somando as internações com quadros menos graves e as UTIs, São Paulo tem neste momento 2.150 pacientes em hospitais por causa da Covid-19. Esse número, em abril deste ano, chegou a mais de 31 mil. O que também é motivo de comemoração são os níveis de ocupação nas unidades de Saúde, atualmente em 21,5%, um grande alívio se comparado ao pior momento do surto, quando esse índice chegou a 92,3%.

São Paulo foi o primeiro lugar do país a aplicar uma dose de imunizante contra a Covid-19, ainda em 17 de janeiro deste ano. Atualmente, 77% de todas as faixas etárias da população já receberam as duas doses da vacina em terras paulistas, um número superior à média nacional, que é de 64%.

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Avatar de Henrique Rodrigues

Henrique Rodrigues

Jornalista e professor de Literatura Brasileira.