Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
21 de agosto de 2019, 09h41

Vídeo: Fotógrafo Araquém Alcântara faz relato emocionante sobre a Amazônia

Ícone da fotografia de natureza, Araquém Alcântara fez dezenas de incursões pela Amazônia nas últimas quatro décadas e usou a história da imagem de um tamanduá-mirim fugindo de incêndio para demonstrar sua revolta

Fotos: Araquém Alcântara

Em relato emocionante em sua página no Facebook, o fotógrafo Araquém Alcântara, um dos precursores da fotografia de natureza no Brasil, usou uma foto que fez de um tamanduá-mirim fugindo do fogo para falar de sua revolta diante do aumento das queimadas e da política de desmatamento propagada por Jair Bolsonaro na Amazônia.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“Essa foto reflete muito bem o meu sentimento de revolta diante dos últimos acontecimentos”, disse ele, que já fez mais de 50 incursões pela floresta e hoje vê o debate em torno da Amazônia como uma maneira de salvá-la.

“Fiquei surpreso com o retorno, a atenção, a indignação das pessoas. Falar da Amazônia, pois acho que aí ela pode ser salva”, relata Araquém no vídeo, ressaltando que a “floresta luta, sim, por sua sobrevivência”.

Fotos
Um dos maiores ícones da fotografia da natureza no mundo, Araquém Alcântara também divulgou fotos e um texto em que fala um pouco da sua relação com a Amazônia.

“Eu estive lá e vi. E fotografei. Sou testemunha ocular. A Amazônia é a minha matriz criativa. Já foram mais de cinquenta viagens e expedições. Não de avião, mas andando, de mochila nas costas, de barco e de carro. Já subi o Pico da Neblina duas vezes, já pisei onde ninguém pisou, já fiz quatro livros sobre a floresta e seu povo, já ganhei o Jabuti, já publiquei centenas de reportagens neste 49 anos de jornalismo e fotografia”, relata.

Dedicando-se desde 1970 à fotografia da natureza, Araquém é o primeiro fotógrafo a realizar um ensaio sistemático sobre os ecossistemas e as unidades de conservação do país, trabalho que só finalizou após vinte e dois anos de incessantes expedições pelo sertão do Brasil.

Veja fotos de Araquém Alcântara na Amazônia


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum