Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
03 de dezembro de 2019, 17h25

Vídeo mostra imagens da chegada de policiais a Paraisópolis momentos antes do massacre

O atestado de óbito de uma das vítimas, Mateus dos Santos Costa, indica “trauma raquimedular com agente contundente”, ou seja, uma lesão na coluna provocada por um objeto externo

Foto: Reprodução/Vídeo TV Globo

A chegada de policiais, durante a desastrosa ação na favela de Paraisópolis, em São Paulo, que provocou a morte de nove jovens, no domingo (1º), foi gravada por câmeras de segurança. As imagens foram obtidas com exclusividade pela TV Globo e mostram o momento da chegada de policiais militares à comunidade.

O vídeo mostra pessoas pela rua quando motociclistas, que seguiam para o lado esquerdo do vídeo, param e tentam voltar. Depois, passam cinco motos da PM.

Não é sócio Fórum? Quer ganhar 3 livros? Então clica aqui.

Pela sequência das imagens, duas viaturas da PM passam em alta velocidade pela rua em um espaço de seis minutos entre uma e outra.

Em seguida, um policial passa ao lado da viatura da PM joga uma bomba de feito moral que explode no meio da rua.

O procurador-geral de Justiça nomeou uma promotora do júri para investigar o caso. O atestado de óbito de uma das vítimas, Luara de Oliveira, aponta “asfixia mecânica por sufocação indireta. O de Mateus dos Santos Costa, indica “trauma raquimedular com agente contundente”, ou seja, uma lesão na coluna provocada por um objeto externo.

Abusos

A Corregedoria da Polícia Militar instaurou inquérito, com o objetivo de analisar o comportamento dos policiais e os respectivos abusos gravados por moradores da favela.

Seis PMs já foram afastados e prestaram depoimento. Os moradores denunciam que a polícia entrou na comunidade e fechou as esquinas da Rua Ernest Renan com a Rua Herbert Spencer e Rodolf Lotze.

Em seguida, os policiais atiraram bombas de gás e balas de borracha, jogaram garrafas, bateram com cassetetes e usaram sprays de pimenta na multidão e muitos jovens entraram em vielas e foram pisoteados.

Assista aqui

Com informações do G1


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum