#Fórumcast, o podcast da Fórum
20 de agosto de 2019, 10h59

VÍDEO: Witzel comemora assassinato cometido por sniper como se estivesse em estádio de futebol

Depois de bater continência aos policiais, o governador do Rio de Janeiro anunciou que irá promovê-los por bravura

Foto: Reprodução

O governador Wilson Witzel (PSC), ao chegar de helicóptero à ponte Rio-Niterói na manhã desta terça-feira (20), correu e comemorou, como se estivesse em uma partida de futebol, a execução do sequestrador que fez 37 reféns em um ônibus com arma de brinquedo. Witzel também bateu continência aos policiais e foi conversar com os agentes.

Em entrevista, Witzel anunciou que irá promover os integrantes da ação por bravura. “Os policiais serão todos condecorados, inclusive, eu já determinei a promoção dos atiradores por bravura. Eram vários, para termos vários ângulos. Foi uma ação exitosa, nossa PM é preparada para preservar vidas”, afirmou o governador.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

Nas redes sociais, Witzel parabenizou novamente a polícia e disse que “preferiu salvar os reféns”. “O ideal era que todos saíssem vivos, mas preferimos salvar os reféns. Determinei que a Secretaria de Vitimização cuide dos reféns e também da família do sequestrador. Meu papel como governador é fazer com que tudo funcione, evitando transtornos para a sociedade”, comentou.

Incompatível

“A cena do governador do Rio chegando feliz e comemorando é grotesca. Incompatível com o comportamento que se espera minimamente de uma autoridade pública. E que também estimula outros sequestros como esse, já que muitos desses criminosos veem nesses atos uma chance de sair da invisibilidade, ainda que custe a própria vida”, afirmou Ariel de Castro Alves, advogado e integrante do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana de SP (Condepe).


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum