Imprensa livre e independente
24 de maio de 2017, 16h31

Brasília em chamas: Prédio de ministério é incendiado, evacuado e Exército sai às ruas

Manifestação contra as reformas e o governo Temer na capital federal foi violentamente reprimida pela PM quando os manifestantes se aproximaram do Congresso, o que gerou revolta. Esplanada dos Ministérios, em chamas, foi evacuada e Exército está nas ruas. Há inúmeros relatos de feridos Por Redação A Esplanada dos Ministérios foi totalmente evacuada após indícios de incêndio na parte de fora do prédio do Ministério da Agricultura. Manifestantes que ocuparam a capital federal nesta quarta-feira (24), pela mobilização #OcupaBrasília, foram violentamente reprimidos pela Polícia Militar com bombas de gás, balas de borracha e spray de pimenta quando se aproximavam do...

Manifestação contra as reformas e o governo Temer na capital federal foi violentamente reprimida pela PM quando os manifestantes se aproximaram do Congresso, o que gerou revolta. Esplanada dos Ministérios, em chamas, foi evacuada e Exército está nas ruas. Há inúmeros relatos de feridos

Por Redação

A Esplanada dos Ministérios foi totalmente evacuada após indícios de incêndio na parte de fora do prédio do Ministério da Agricultura. Manifestantes que ocuparam a capital federal nesta quarta-feira (24), pela mobilização #OcupaBrasília, foram violentamente reprimidos pela Polícia Militar com bombas de gás, balas de borracha e spray de pimenta quando se aproximavam do Congresso Nacional. Há inúmeros relatos de feridos.

Foto: Brasil de Fato

A repórter da Fórum, Maíra Streit, foi uma das pessoas que passou mal com o efeito dos gases.

Na Câmara e no Senado, parlamentares também protestam contra o presidente Michel Temer.

A repressão da Polícia Militar recebeu, há pouco, o apoio do Exército, que já começa a tomar as ruas de Brasília e segue para a Esplanada. Manifestantes seguem protestando nos arredores do Congresso.

Veja também:  Fundador do "Escola sem Partido" lamenta fim do projeto e se diz decepcionado com Bolsonaro

 

 

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum