Imprensa livre e independente
31 de março de 2019, 21h34

Caetano Veloso faz manifestação na Argentina contra ditadura e é ovacionado. Vídeo

Ao final da apresentação, o artista estendeu dois cartazes com os dizeres “Ditadura Nunca Mais”. O publicou aplaudiu e gritou palavras de ordem

Foto: Reprodução
Durante seu show no Lollapalooza Argentina, em Buenos Aires, o cantor e compositor Caetano Veloso, fez manifestação de repúdio às menções a favor da ditadura e do golpe militar de 1964. Ao final da apresentação, o artista estendeu dois cartazes com os dizeres “Ditadura Nunca Mais”. O publicou aplaudiu e gritou palavras de ordem. Neste domingo (31), o golpe militar completa 55 anos. O regime resultou em mais de 434 mortos e desaparecidos políticos. O presidente Jair Bolsonaro (PSL-RJ), determinou ao Ministério da Defesa, durante a semana, que faça as “comemorações devidas” pelos 55 anos do golpe que deu início a uma...

Durante seu show no Lollapalooza Argentina, em Buenos Aires, o cantor e compositor Caetano Veloso, fez manifestação de repúdio às menções a favor da ditadura e do golpe militar de 1964.

Ao final da apresentação, o artista estendeu dois cartazes com os dizeres “Ditadura Nunca Mais”. O publicou aplaudiu e gritou palavras de ordem.

Neste domingo (31), o golpe militar completa 55 anos. O regime resultou em mais de 434 mortos e desaparecidos políticos.

O presidente Jair Bolsonaro (PSL-RJ), determinou ao Ministério da Defesa, durante a semana, que faça as “comemorações devidas” pelos 55 anos do golpe que deu início a uma ditadura militar no país.

O Palácio do Planalto distribuiu neste domingo um vídeo em defesa do golpe de 1964. De acordo com o material, a derrubada de João Goulart do poder, foi apenas um movimento para conter o avanço do comunismo no País. “O Exército nos salvou. O Exército nos salvou. Não há como negar. E tudo isso aconteceu num dia comum de hoje, um 31 de março. Não dá para mudar a história”, diz o apresentador.

Veja também:  Atriz e influenciadora digital, Ana Clara Paim compara fim dos likes no Instagram à abolição da escravatura

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum