Imprensa livre e independente
28 de outubro de 2018, 18h40

Candidato de Bolsonaro, comandante Moisés é eleito em Santa Catarina

Com mais de 50% das urnas apuradas, Moisés já conta com 70% dos votos entre os eleitores de Santa Catarina

Foto: Reprodução/YouTube Com 53% das urnas apuradas em Santa Catarina, o comandante Moisés (PSL) foi eleito governador do estado, com 70% dos votos. Ele venceu o adversário Gelson Merisio (PSD), com 29,71%. É o primeiro governador do PSL, levado ao cargo graças à onda Bolsonaro. O novo governador, que adotou Comandante Moisés como nome de urna, é coronel da reserva do Corpo de Bombeiros e é a primeira vez que concorre a um cargo público. Ele se filiou ao PSL, partido de Bolsonaro, em março deste ano. Com a promessa de “despolitizar o estado”, Moisés passou ao segundo turno como surpresa da...

Foto: Reprodução/YouTube

Com 53% das urnas apuradas em Santa Catarina, o comandante Moisés (PSL) foi eleito governador do estado, com 70% dos votos. Ele venceu o adversário Gelson Merisio (PSD), com 29,71%. É o primeiro governador do PSL, levado ao cargo graças à onda Bolsonaro. O novo governador, que adotou Comandante Moisés como nome de urna, é coronel da reserva do Corpo de Bombeiros e é a primeira vez que concorre a um cargo público. Ele se filiou ao PSL, partido de Bolsonaro, em março deste ano.

Com a promessa de “despolitizar o estado”, Moisés passou ao segundo turno como surpresa da disputa, após pesquisas indicarem que ele faria apenas 9% dos votos. Fez 29% no primeiro turno. A campanha colou o candidato ao presidenciável Bolsonaro. Seus jingles faziam menção ao capitão reformado do Exército, e o número 17 era mencionado à exaustão.

Prometeu governar com servidores de carreira e combater o aparelhamento do estado. Sua falta de experiência na política foi alvo de críticas dos adversários. Merisio, 52, que já foi presidente da Assembleia Legislativa, dizia ser o mais preparado para governar o estado e afirmava que “uma escolha mal pensada poderia comprometer o futuro de toda uma geração”.

Veja também:  Ameaçado de morte por milícia, professor renuncia à direção do CIEP 210 no RJ

 

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum