Imprensa livre e independente
19 de setembro de 2014, 18h19

Carlos Cachoeira derrubou Patrícia Poeta da bancada do Jornal Nacional?

Oficialmente, a Rede Globo anunciou que Patrícia Poeta deixa bancada do jornalístico para apresentar outro programa; paralelamente, a aquisição milionária de um apartamento em Ipanema pode ser, de fato,o motivo de sua queda.

Oficialmente, a Rede Globo anunciou que Patrícia Poeta deixa bancada do jornalístico para apresentar outro programa; paralelamente, a aquisição milionária de um apartamento em Ipanema pode ser, de fato,o motivo de sua queda Por Redação No início desta semana, uma notícia tomou conta dos meios de comunicação voltados para o entretenimento: o anúncio da saída da jornalista Patrícia Poeta da bancada do Jornal Nacional. A versão oficial é que a apresentadora deixa o programa para apresentar um quadro matutino em 2015 e que, desde que foi deslocada para o JN, sabia que ficaria por apenas três anos. Porém, o que...

Oficialmente, a Rede Globo anunciou que Patrícia Poeta deixa bancada do jornalístico para apresentar outro programa; paralelamente, a aquisição milionária de um apartamento em Ipanema pode ser, de fato,o motivo de sua queda

Por Redação

No início desta semana, uma notícia tomou conta dos meios de comunicação voltados para o entretenimento: o anúncio da saída da jornalista Patrícia Poeta da bancada do Jornal Nacional. A versão oficial é que a apresentadora deixa o programa para apresentar um quadro matutino em 2015 e que, desde que foi deslocada para o JN, sabia que ficaria por apenas três anos.

Porém, o que de fato pode ter derrubado Patrícia Poeta foi a compra de um apartamento no bairro de Ipanema, avaliado em R$ 23 milhões. Até aí, problema nenhum. Mas, logo depois que a aquisição feita pela jornalista e seu marido, Amauri Soares (diretor de programação da Globo), foi divulgada, descobriu-se que o dono do imóvel era o empresário Georges Sadala, citado nas investigações a respeito dos negócios do bicheiro Carlos Cachoeira.

Veja também:  Por que Bolsonaro não recorreu da absolvição de Adélio Bispo, autor da facada?

A notícia de que o apartamento era de um aliado de Carlinhos Cachoeira não foi bem recebida pela cúpula da Rede Globo e muito menos por William Bonner e Ali Kamel, diretor de jornalismo da Globo. Segundo informações do colunista de TV do jornal Folha de São Paulo, Ricardo Feltrin, Kamel e Soares (companheiro de Poeta) vivem em constante embate.

De acordo com artigo do portal BlueBlus, William Bonner nunca digeriu “o fato de ter que aceitar Poeta como colega de bancada, em 2011, no lugar de Fátima Bernardes”. A compra do apartamento, a revelação de que o dono do imóvel teria relação com Cachoeira e a queda da apresentadora possui uma distância de nove dias.

Frente a isso, a tese de que Patrícia Poeta vai apresentar um programa de entretenimento em 2015 perde força e outras informações do colunista da Folha dão conta de que ela deve permanecer na geladeira até a história da compra do apartamento esfriar.

Relembre

Em 8 de setembro, o blog Maria Frô já havia alertado para a aquisição do imóvel milionário por parte da apresentadora global e a relação controversa de Sadala, proprietário do apartamento, com nomes como o do bicheiro Carlinhos Cachoeira e dos políticos Sérgio Cabral, Aécio Neves e José Roberto Arruda (leia aqui).

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum