Andrea Caldas

política e educação

28 de outubro de 2019, 22h23

A insurreição no Chile e a prisão de Lula

Em artigo, Andrea Caldas diz que “Chile é o grito de protesto sem amarras. O que virá do Chile, ninguém saberá. Não há cálculo pragmático, nem escolhas eleitorais. Há uma convulsão de um grito contido”

Ato no Chile (Foto: Esteban Calderón/El Desconcierto)

Lula precisa ser libertado, mas isto nada tem a ver com a insurreição do Chile…

Chile está mais para o nosso 2013, de cuja ressaca certa esquerda não se curou.

Chile é o grito de protesto sem amarras.

O que virá do Chile, ninguém saberá.

Não há cálculo pragmático, nem escolhas eleitorais.

Há uma convulsão de um grito contido.

Últimos dias para você apoiar a grande reportagem da Fórum no rastro do Óleo das Praias do Nordeste. Bora contribuir!

É o oposto do que o lulismo fez – e continua fazendo – de querer conformar a indignação à ordem, definida por um guia.

Lula – da prisão – em meio à maior rejeição ao governo Bolsonaro, defende aproximação com Marta ou talvez, Chalita…

Não haverá Chile Chi Chi com Lula lá.

Há uma incongruência, em termos, porque aqui os manifestantes do Chile seriam presos pela Lei Antiterrorismo, aprovada pelo governo do PT.

*Este artigo não reflete, necessariamente, a opinião da Revista Fórum.

Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags