Ivan Cosenza de Souza

cartas do pai

12 de março de 2019, 22h03

Cartas do Pai: “CondoMinion presidencial”

Como um PM tem dinheiro pra morar num condomínio daquele, pai? Um miliciano morando ao lado do presidente

Foto: Reprodução

Rio de Janeiro, 12 de março de 2019

Pai,

A polícia finalmente prendeu os acusados de matarem a Marielle e o Anderson. Depois de tanto tempo, imaginava-se que estariam longe, fugindo. Achei que pudessem estar fora do país ou escondidos no interior.

Sabe quando a gente perde os óculos e depois descobre que eles estão dentro da caixinha. Ou, nesse caso, foi pior ainda. Eles estavam na nossa cara!

Encontraram um dos acusados morando no mesmo condomínio de luxo que o Bolsonaro. Imagina isso!

Estão falando que quem mora naquele condomínio são CondoMinions.
Mas a coisa é toda muito séria.

Como um PM tem dinheiro pra morar num condomínio daquele, pai? Um miliciano morando ao lado do presidente. O presidente que inúmeras vezes elogiou a milícia. E eles se conheciam pessoalmente!

Agora é descobrir quem encomendou tudo.

Vamos ver se ele vai falar, se vai abrir o bico.

Lembrando que o presidente, este que não tem papas na língua e não foge das polêmicas, quando a Marielle foi morta, disse que preferia não falar, por que sua declaração “seria polêmica demais”!

Veja também:  Alexandre Frota chama Bolsonaro de idiota ingrato: "Eu, como ator pornô, dei mais certo do que ele no Exército""

Até hoje tenho curiosidade pra saber o que era!

Mas os policiais de verdade, querem saber quem matou a pessoa que lutava pelos direitos das famílias de seus colegas mortos. São estes que estão desvendando o caso! São estes que querem colocar os assassinos de Marielle e Anderson, na cadeia.

A verdade está aparecendo…

Um beijo do seu filho,

Ivan

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum