sexta-feira, 18 set 2020
Publicidade

Cartas do Pai: “Cultura em Vertigem”

Pai,

Temos mais um filme indicado ao Oscar!

O engraçado é que a indicação aconteceu na mesma semana em que o presidente perguntou:

– Há quanto tempo a gente não faz um bom filme no Brasilnão é?”

Mas parece que a academia não concorda com ele, né?

O documentário “Democracia em Vertigem” vai concorrer ao Oscar de melhor documentário.

Deram um tapa de luva de pelica em todos que participaram do Golpe na nossa democracia e ajudaram a colocar o Brasil nesta crise que aumenta a cada dia deste governo, que é uma continuação piorada do governo Temer.

Eles ficaram revoltados, e estão atacando o documentário assim como fazem com toda a cultura brasileira.

Falam mal de cantores, de atores, de músicos, poetas, qualquer um que tenha a ver com cultura.

Seus seguidores seguem criticando junto, sem pensar o que isso significa.

Os mesmos que foram na onda de chamar os artistas de mercenários e aproveitadores, que estavam “enriquecendo” as custas da Lei Rouanet, hoje ficam calados, quando a lei é usada para dar dinheiro para as igrejas e enriquecer pastores que usam a religião só para ganhar dinheiro.

Quem votou e ainda apoia o Bolsonaro tem que abrir mão dos shows, do cinema, do teatro, da musica e poesia, das pinturas e desenhos. De qualquer tipo de arte.

Eles tem que ficar na escuridão da ignorância, do preconceito, da discriminação e da violência.

Os artistas são de quem respeitam a arte!

Um beijo do seu filho,

Ivan

Ivan Cosenza de Souza
Ivan Cosenza de Souza
Cronista, produtor cultural, curador da obra de Henfil, seu pai, e presidente do Instituto Henfil. Escreve as Cartas do Pai para a Revista Fórum. Henfil veste Pela Esquerda. Camisa da Ursal à venda no link abaixo: