Ivan Cosenza de Souza

cartas do pai

15 de outubro de 2019, 22h50

Cartas do Pai: “Dia dos Professores”

Querem amordaçar os professores e tirar a personalidade dos alunos, como na música “Another Brick In The Wall”, do Pink Floyd

Foto: Reprodução

Rio de Janeiro, 15 de outubro de 2019.

Pai.

Este é o pior Dia dos Professores dos últimos tempos!

O primeiro Dia dos Professores em um governo que persegue esta categoria profissional, desde a campanha. Mas, mesmo assim, contou com votos de muitos deles.

Vai entender, né?

Este é o sinal mais claro que o país está indo para o buraco, ou seja, quando começam a perseguir os artistas e os professores.

O início de toda ditadura é assim, dificultando e criminalizando o esclarecimento do povo.

Inventaram essa tal de doutrinação ideológica. Para eles, esclarecer e fazer as crianças pensarem é um crime, pois quem pensa não vota neles.

Quem já teve um adolescente em casa, sabe muito bem que é impossível isso. Basta falar “A” pra eles que eles falem “B”. Mas, se der a eles as informações e incentivar a pensar, teremos, sim, uma geração que jamais irá apoiar injustiças e nunca será levada por fake news.

Sabe o que eles estão fazendo, pai? Militarizando as escolas.

Tentando espalhar um modelo de ensino no qual ninguém pode questionar nada. Tem que falar “Sim, senhor” e pronto!

Um modelo que pune os “indisciplinados”. E indisciplina para eles é questionar as ordens dadas pelos professores-militares.

Isso sim é tentar doutrinar! Tentar acabar com a diversidade de pensamentos.

Querem amordaçar os professores e tirar a personalidade dos alunos, como na música “Another Brick In The Wall”, do Pink Floyd.

Mas os verdadeiros professores não se dobram. Vão lutar pelo verdadeiro ensino até o fim.

Um beijo do seu filho,

Ivan

*Este artigo não reflete, necessariamente, a opinião da Revista Fórum.

Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum