Ivan Cosenza de Souza

cartas do pai

23 de julho de 2019, 23h19

Cartas do Pai: “Nordeste é vida”

Como alguém pode não gostar do Nordeste e do seu povo, pai? Eu morava em Fortaleza, em sua última ida ao Nordeste, antes de você ficar doente, e foi lá que conversamos pela última vez

Foto: Reprodução

Rio de Janeiro, 23 de julho de 2019.

Pai.

Você é mineiro e eu carioca, mas o Nordeste sempre esteve em nossas vidas, né?

Um dos seus maiores sucessos foi a turma da caatinga. O Zeferino, o Bode Orelana e a Graúna estão até hoje divertindo as pessoas, e protestando.

Você usou a diferença que sempre existiu entre o “Sul Maravilha” e o Nordeste, para alertar sobre as injustiças e os benefícios que Sul e Sudeste, sempre tiveram, e do esquecimento que o Norte e Nordeste sempre passaram.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

Mas em 2003 as coisas começaram a mudar. O governo começou a olhar para os nordestinos, passando a dar a atenção que o “Sul Maravilha” sempre teve, com investimentos e fazendo chegar lá uma coisa que nunca foi problema aqui: a ÁGUA!

Não só o nordestino do Nordeste que foi lembrado, os daqui também. Os que vieram pro “Sul Maravilha” tentar uma vida melhor, e que ficaram por gerações sem oportunidades, começaram a colocar seus filhos nas universidades, a formar doutores.

Isso incomodou muita gente, começaram a colocar seus preconceitos pra fora, incomodados com os filhos de seus empregados, frequentando a mesma universidade de seus filhos, e disputando os mesmos empregos que eles.

E, finalmente, elegeram um presidente que representa esse ódio. Que agora tenta botar o Nordeste no “seu devido lugar”, que é fornecer mão de obra barata.

Hoje, tentou disfarçar, dizendo que adorava o povo do Nordeste, na inauguração de um aeroporto construído pelo antigo governo, no qual ele deixou o povo de fora. Atiradores garantiram que ninguém do povão chegasse perto do aeroporto.

Como alguém pode não gostar do Nordeste e do seu povo, pai?

Eu morava em Fortaleza, em sua última ida ao Nordeste, antes de você ficar doente, e foi lá que conversamos pela última vez. Nosso último fim de semana juntos foi no Nordeste.

Um beijo do seu filho,

Ivan

*Este artigo não reflete, necessariamente, a opinião da Revista Fórum.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum