sexta-feira, 18 set 2020
Publicidade

Liana Cirne Lins

Publicidade

Ministério da Educação mantém Enem em meio à pandemia do coronavírus

Aceitar que o Enem aconteça de qualquer forma, contra tudo e contra todos, é dizer sim à reelitização da universidade

Moro usou influência para omitir inquérito contra Carlos Bolsonaro

Algo espantoso é a crença na impunidade dessa quadrilha oriunda de Curitiba. Eles sequer omitem ou disfarçam: fazem questão de deixar claro que mandam e desmandam. Para dar a resposta a Bolsonaro, fizeram questão de mostrar, em menos de 24h, que quem estava no controle era Moro.

Corrupção ativa e passiva de Carla Zambelli e Sergio Moro expõem os bastidores do governo Bolsonaro

A conversa de Moro com Carla Zambelli deixa evidente que o ex-juiz estava sim negociando o cargo no STF com Bolsonaro

Dia da Mentira: Entenda a farsa da PEC do orçamento de guerra

Bolsonaro e Guedes barganham com a fome da população mais vulnerável. E mentem. Não há qualquer entrave para sanção e imediata ordem de pagamento do auxílio aos informais.

Revolução de 6 de março e a República de Pernambuco, por Liana Cirne Lins

Pernambuco foi a capitania que primeiro encampou, no Brasil, os princípios iluministas de igualdade, liberdade e fraternidade e os anseios por uma Constituição, inspirada nos movimentos constitucionalistas do sécuo XVII

Como fomos vendidos pelo Facebook

Campanhas criadas com os dados vendidos pela empresa foram capazes de manipular nosso comportamento

Quando seremos indenizados pelos juízes que esvaziaram nosso direito de votar?

Em sua coluna de estreia, Liana Cirne Lins, a advogada e doutora em Direito Público, analisa a condenação do juiz paranaense Bento Luiz de Azambuja Moreira a pagar R$ 12 mil por humilhar agricultor. Em 2007, o magistrado interrompeu uma audiência porque o agricultor estava de chinelos. “Preconceito de classe reverberado por trás da toga”, afirma