Luiz Roberto Alves

11 de setembro de 2019, 12h12

Família e governo para não serem considerados

Luiz Roberto Alves: “Quando a sociedade organizada (oxalá muito em breve) crescer em consciência e volume de massa crítica verá que os dilemas postos serão inferiores a suas forças”


+ posts

17 de agosto de 2019, 14h40

Não há vacina contra o ódio

Luiz Roberto Alves, em sua coluna na Fórum: "O governo da República em exercício nasceu do ódio e em seu nome o exerce"


09 de agosto de 2019, 12h21

Jair Messias, o Evangelho e os 30 milhões de evangélicos

Luiz Roberto Alves: “Ou o evangelismo nacional provoca mudanças no comportamento do presidente ou se agarra a ele como Frankenstein e afunda com ele”


04 de agosto de 2019, 18h39

A busca de precisão sobre o “Future-se” e suas conexões educacionais

Luiz Roberto Alves: “É de se esperar que nossos debates, desde os estritamente acadêmicos às audiências públicas do Congresso Nacional, tenham direção essencial, produzam documentos firmes e fortes”


29 de julho de 2019, 19h23

Ciência para superar o escárnio do governo Bolsonaro

Luiz Roberto Alves: “Galileu Galilei sempre teve razão: a terra não é plana, como não é medíocre o cérebro das novas gerações de brasileiros e brasileiras”


18 de julho de 2019, 16h29

Agentes públicos terrivelmente ignorantes

Luiz Roberto Alves: “Este, e qualquer país real em desenvolvimento, não é regido por hipérboles, mas por necessidades e desejos indispensáveis, especialmente de justiça e equidade, construtoras da paz social”


14 de julho de 2019, 19h25

Os novos deputados do velho liberalismo capitalista

Poucos meses de discurso no processo associado à Previdência brasileira foram suficientes para igualar o Novo aos demais envelhecidos, pessoas e partidos secularmente no poder


30 de junho de 2019, 15h38

A Semiótica SM-DD: uma combinatória que lava o ego e pincha a operação janela afora

Luiz Roberto Alves analisa os vazamentos divulgados pelo site The Intercept e a conduta do ex-juiz Sérgio Moro e do procurador Deltan Dallagnol


17 de junho de 2019, 06h00

Que país é esse?

Que país é esse, no qual parlamentares, ministros, empresários e economistas supõem ser possível impor o Liberalismo sobre uma humanidade brasileira tão desconhecida em sua profundidade social quanto sempre submetida a leis, normas e decretos injustos que mais ainda a tornou invisível?


31 de maio de 2019, 06h14

O pacto e os pactários

Luiz Roberto Alves: “Pactuar obviedades significa falta de preparo intelectual. Melhor ouvir as mobilizações das gentes e assumir os devidos papéis sociais como executivo, legislativo e judiciário"


28 de maio de 2019, 06h00

“Eu quero um trilhão. Me deem um trilhão…”

Luiz Roberto Alves: “Guedes representa o progresso do atraso. E seus estudos em Chicago de modo algum atenuam o atraso, pois o pensamento universitário, as leituras e as pesquisas se movem a cada minuto”


22 de maio de 2019, 06h00

O presidente e suas muletas discursivas

Em novo artigo, Luiz Roberto Alves diz: “Jair Messias não tem direito a botar a culpa em ninguém. Nenhum de seus projetos, portarias e decretos tem a integridade que represente o Brasil real, amplo, diverso, pleno de diferenciações, complexo e repleto de injustiças”