Raphael Silva Fagundes

27 de junho de 2019, 17h51

O círculo vicioso bolsonarista: militar traficante – traficante evangélico – evangélico militarista

Raphael Fagundes: “Cabe lembrar que todos os componentes deste ciclo são viciosos: a doutrina militar, o fundamentalismo e o efeito químico das drogas”


+ posts

08 de junho de 2019, 08h29

A retórica da reforma: como convencer os pobres a defender os ricos

Raphael Fagundes: “O poder de convencimento da reforma da Previdência defendida pelo governo é muito forte, principalmente porque os grandes veículos de comunicação dão suporte a ela”


02 de junho de 2019, 18h19

Palavras incendiárias: a esquerda precisa retomar o discurso radical

O ethos de revoltado assumiu a dianteira do discurso político popular, e a direita se apoderou dele explorando ao máximo o que se tornou um lugar comum: “chega de corrupção”


29 de maio de 2019, 21h24

A esquerda decidiu defender o óbvio

Raphael Fagundes: “Para as próximas manifestações é preciso pensá-las, não como respostas aos lunáticos de domingo, mas contra o sistema, contra a radicalização do capital. Não se trata de uma questão ideológica, de cores, mas de luta de classes”


27 de maio de 2019, 19h41

O nível máximo da insanidade: em defesa do mercado e de um Executivo forte

Raphael Fagundes: “As classes dominantes fazem de tudo para que as pessoas não entendam a política. Por isso, nos períodos em que esse conhecimento se torna mais acessível, as corporações se mobilizam em prol das ideias mais insanas para ludibriar a população e conter a sua explosão consciente”


24 de maio de 2019, 06h00

Bom para demonizar a esquerda, mas estúpido para santificar o mercado

Raphael Fagundes: “Os setores dominantes perceberam que a tentativa de radicalizar o seu projeto de acumulação de capital foi um erro e que, em vez de confrontar a esquerda, seria mais interessante persuadi-la, estabelecer um diálogo”


20 de maio de 2019, 07h13

Malditos hipócritas: a grande mídia e a investida contra Bolsonaro

Não é uma questão de Bolsonaro ou Lula, mas de acumulação de capital. A burguesia não acreditou que o PT poderia tocar as reformas, agora percebe que nem Bolsonaro tem condições de fazê-las. É necessário um meio termo, um grupo de poder que não toque em temas ideológicos


17 de maio de 2019, 06h00

As vantagens de ser idiota

Raphael Silva Fagundes: “A vantagem de ser idiota da maneira que Bolsonaro execra, aquela manifestada pelos professores e estudantes, é a de construir um Brasil que pensa em seu povo”


13 de maio de 2019, 19h17

Quando acabou a escravidão?

Raphael Fagundes: “O dia da abolição também serve para refletirmos sobre os abusos do capital, abusos similares aos da escravidão”


09 de maio de 2019, 06h01

Como é possível continuar fiel ao governo depois do desastre que foram os seus primeiros meses?

Raphael Fagundes: “O presidente e seus filhos fabricam diariamente, através de seus posts, o alimento, os versículos que compõem a bíblia bolsonarista”


06 de maio de 2019, 17h09

A burguesia se arrependerá da merda que fez

“Não será nenhuma surpresa ver a burguesia se arrepender do que fez e tirar o seu escolhido do cargo, para colocar um fantoche mais preparado para tocar a política de desmoronamento do Estado brasileiro em prol dos investidores”, diz Raphael Fagundes


01 de maio de 2019, 07h46

Abaixo o cidadão de bem! Trabalhadores, uni-vos!

Na coluna de Raphael Fagundes: uma reflexão sobre o conceito de descaracterização do trabalhador encampado por Jair Bolsonaro e o 1º de Maio