Entrevista exclusiva com Lula
24 de junho de 2019, 19h14

Após suspensão, Marco Antonio Villa anuncia demissão da Jovem Pan: “Não havia mais clima”

“Fiquei entristecido com a minha saída. Eu fiz de tudo para ter uma saída elegante, não queria sair batendo a porta”, disse o historiador e comentarista político

Marco Antonio Villa (Foto: Reprodução)

Conhecido por seus posicionamentos essencialmente à direita e antipetistas, o historiador e comentarista político Marco Antonio Villa, anunciou, nesta segunda-feira (24), sua demissão da rádio Jovem Pan. Ele havia sido suspenso por 30 dias de suas funções, em maio. A rescisão de contrato foi feita após acordo entre as partes.

Villa foi suspenso sem motivo divulgado. Especula-se que as razões seriam suas críticas a Jair Bolsonaro. Em uma das que mais criaram polêmica, ele declarou que o presidente é “um embusteiro que tenta enganar as pessoas”.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

“Eu decidi que não queria mais voltar para a Pan. Não tinha mais nem condições de voltar a trabalhar lá. Senti que não havia mais clima depois de me darem uma quase punição”, afirmou em entrevista ao UOL.

A princípio, a Jovem Pan havia informado que Villa havia tirado férias, o que foi desmentido pelo próprio apresentador. “De férias eu não estou. Nunca tirei férias, não seria agora com essa situação do país que tiraria”.

Villa se disse frustrado por deixar a rádio “dessa forma”. “Fiquei entristecido com a minha saída, gostava muito de trabalhar lá, mas infelizmente acabou dessa forma, que não era a melhor forma que eu queria que terminasse essa relação. Eu fiz de tudo para ter uma saída elegante, não queria sair batendo a porta”, destacou.

Villa revelou que foi sondado por duas emissoras, uma de TV e outra de rádio, mas não quis dizer quais são. “Tenho contatos, tenho conversas”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum