O que o brasileiro pensa?
18 de julho de 2019, 13h59

Atriz e influenciadora digital, Ana Clara Paim compara fim dos likes no Instagram à abolição da escravatura

Junto com a imagem publicada, que simula uma lápide com o dia de ontem e a data da assinatura da Lei Áurea - que oficializou o fim da escravidão no Brasil -, a apresentadora escreveu um texto em que diz que se sente "liberta"

A blogueira Ana Clara Paim (Reprodução/Facebook)

Apresentadora do programa No Balaio, da TV Anhanguera, atriz, escritora e influenciadora digital com mais de 230 mil seguidores, Ana Clara Paim comparou nesta quarta-feira (17) o fim das curtidas no Instagram ao fim da escravidão.

Junto com a imagem publicada, que simula uma lápide com o dia de ontem e a data da assinatura da Lei Áurea – que oficializou o fim da escravidão no Brasil -, a apresentadora escreveu um texto em que diz que se sente “liberta”. “Não dá pra negar como me sinto: liberta! Quantas vezes você já verificou a mesma postagem mais de uma vez pra ver quantos corações havia recebido?”, escreveu.

A artista, que ficou conhecida na Internet ao divulgar suas crônicas sobre relacionamentos em seu antigo blog “Depois dos 19”, ainda diz que “o fato, é que do mesmo jeito que dizem que “mulher se veste pra outra mulher”, nós, postamos pros outros”.

“Quem verdadeiramente somos. Esse é o intuito inicial de qualquer rede social. Captar a sua essência através do seu conteúdo espontâneo. Se gostarem de você, maravilha, sua popularidade veio com a sua autenticidade. Mas nós, humanos, estragamos tudo. Descoberto isso, a autenticidade virou pré-requisito, a personalidade é elaborada e a necessidade por aceitação é unânime. Logo, não postamos mais nossa essência e sim o que outras pessoas gostariam de ver. Inverteu a porra toda. O que era pra ser um meio de expressão, virou uma prisão em série”, filosofa Ana Clara na publicação, que recebeu mais de 18 mil coraçõezinhos até a publicação desta reportagem.

Confira o post de Ana Clara Paim

https://www.instagram.com/p/B0CBcsYFoUt/


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum