Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
04 de agosto de 2017, 17h54

Caco Barcellos critica o jornalismo versão promotores da Lava Jato

“Reproduzem o que promotores fazem. Não tem trabalho efetivo”, disse Caco, um dos jornalistas mais respeitados da mídia tradicional, sobre a cobertura que essa mesma mídia faz de trabalhos do Ministério Público 

Por Redação 

Caco Barcellos, autor de livros de jornalismo investigativo e um dos mais respeitados jornalistas da mídia tradicional, criticou a cobertura que essa mesma mídia faz da operação Lava Jato. Para o apresentador do “Profissão Repórter”, da Globo, os veículos de imprensa têm se limitado a “reproduzir” a versão dos fatos repassada pelo Ministério Público.

“A gente não trabalha com cobertura de política porque a gente não gosta de ‘blá, blá, blá’. Tudo que está em torno disso envolve o trabalho do Ministério Público. Não tem trabalho efetivo dos jornalistas. Os jornalistas reproduzem o que os promotores fazem”, disse o jornalista ao jornal A Notícia nesta quinta-feira (3) após um evento em Joinville (SC).

De acordo com Caco, o seu programa na TV faz um jornalismo mais “ativo”. “É a nossa investigação, não a dos outros”, pontuou.

Caco Barcellos é autor, entre outras obras, de livros aclamados pela crítica como “Rota 66”, que fala sobre a atuação da Polícia Militar em São Paulo, e “Abusado”, um relato sobre o tráfico de drogas no Rio de Janeiro.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum