Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
31 de janeiro de 2020, 16h19

CNN Brasil promete “pluralidade” em equipe de comentaristas com nenhum negro

A emissora, que tem William Waack entre seus apresentadores, voltou a ser criticada nesta sexta-feira

Reprodução/Twitter

Depois de ser criticada no início da semana por contar com poucas pessoas negras na sua equipe de âncoras, a CNN Brasil gerou nova polêmica nas redes sociais nesta sexta-feira (31) ao apresentar sua equipe de comentaristas e analistas formada apenas por pessoas brancas.

“Todos já estão trabalhando em São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro para deixar tudo pronto para a nossa estreia, em março. É um time que pretende trazer renovação e pluralidade para os quadros de analistas da TV brasileira”, disse o perfil oficial da emissora no Twitter.

Os nomes anunciados são: Fernando Nakagawa, Iuri Pitta, Gabriela Prioli, Caio Junqueira, Lia Bock, Caio Coppolla, Raquel Landim, Fernando Molica, Lourival Sant’anna, Renata Agostini e Leandro Narloch.

A ausência de pessoas negras gerou críticas no Twitter. “Nossa, quanta gente branca reunida!”, disse o usuário Poupai (@ozzysantos). “Mostrando a diversidade do povo brasileiro… sqn”, ironizou Paulo
(@paulobille). A usuaria Shoshana ainda lembrou do episódio racista envolvendo a blogueira Lorena Vieira e o Itaú: “Todos os comentaristas da CNN devem ser muito bem tratados no #ItauRacista. Um oceano de opiniões brancas”.

Na segunda-feira a CNN divulgou uma foto com seus âncoras e também foi criticada. “Amei a diversidade. Legal vocês acolherem um racista, genial isso. Só não tem muito preto e preta, né? De resto tá bem diversa a equipe. Parabéns! Representatividade!!!”, disse o comunicólogo Rick Trindade, em referência ao jornalista William Waack – demitido da Rede Globo após comentário racista.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum