Fórum Educação
01 de abril de 2020, 20h55

Desmentido, Bolsonaro pede desculpas por divulgar fake news sobre desabastecimento

Atitude inédita do presidente se deu em entrevista ao apresentador José Luiz Datena; "Acontece, a gente erra na notícia"

Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro tomou uma atitude inédita nesta quarta-feira (1): pediu desculpas por ter divulgado uma informação falsa.

Pela manhã, o capitão da reserva publicou um vídeo criando clima de terror com um apoiador afirmando havia desabastecimento no Ceasa de Belo Horizonte (MG). O mandatário, no entanto, foi desmentido pela rádio CBN, que constatou que não há desabastecimento no local e, em seguida, ele resolveu apagar a publicação de seu Twitter e Facebook, sem dizer nada a respeito.

Questionado pelo apresentador José Luiz Datena, da Band, no entanto, Bolsonaro recuou. “Quero me desculpar, não houve a devida checagem do evento. Pelo o que parece aquela central de abastecimento estava em manutenção. Quero me desculpar publicamente, foi retirado o vídeo rapidamente. Acontece, a gente erra na notícia. Eu tenho a humildade de me desculpar sobre isso”, afirmou.

#BolsonaroDay

Internautas estão “homenageando” o presidente Jair Bolsonaro neste 1º de abril, conhecido como o Dia da Mentira. A tag #BolsonaroDay está nos trending topics do Twitter com cerca de 60 mil publicações sobre o assunto.

As publicações criticam os discursos e o comportamento de Bolsonaro, desde notícias falsas anteriormente divulgadas pelo presidente até o seu posicionamento diante da pandemia de Covid-19. Os internautas sugerem ironicamente chamar o Dia da Mentira de “Dia de Bolsonaro”.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum