Fórumcast, o podcast da Fórum
05 de agosto de 2019, 07h38

Felipe Neto aproveita notícia de falência de Malafaia para contar história de processo criminal

"A justiça humana pode falhar, amigos. Mas a justiça do caráter, essa mtas vezes resolve", tuitou Felipe Neto na madrugada desta segunda-feira (5)

Felipe Neto e Silas Malafaia (Montagem)

O Youtuber Felipe Neto aproveitou o anúncio feito por Silas Malafaia de que sua empresa, a Central Gospel, estaria entrando em recuperação judicial para contar a história do processo que o pastor move contra ele desde 2017.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

“A justiça humana pode falhar, amigos. Mas a justiça do caráter, essa mtas vezes resolve”, tuitou Felipe Neto na madrugada desta segunda-feira (5), após comentar a ação, em que o pastor pede a prisão do youtuber por difamação e injúria.

O processo foi movido após Felipe Neto rebater a promoção de um boicote à Disney, promovido por Malafaia por causa de um beijo gay no desenho Star vs. As Forças do Mal. O youtuber fez um vídeo de resposta chamando o pastor de “canastrão” e afirmando que ele “explora a fé das pessoas para enriquecer”.

Neto ainda propôs fazer publicidade gratuita para qualquer empresa que boicotasse Malafaia.

“O processo segue correndo. Ele busca minha condenação com sentença de prisão, simplesmente por eu ter feito meu papel de ser humano e defendido outros seres humanos. E eu posso vir a ser condenado, podem mover mundos para me calar, mas nunca irei deixar de lutar”, tuitou o youtuber na madrugada desta segunda-feira (5).

Acompanhe a sequência:


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum