Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
23 de janeiro de 2020, 11h14

“Intercept é espião, não jornal”, diz colunista do Estadão

José Nêumanne sugere a Glenn a mesma condenação de Julian Assange, acusado de espionagem pelos EUA

José Nêumanne Pinto (Reprodução)

O colunista do jornal Estado de S. Paulo, José Nêumanne Pinto, escreveu nesta quinta-feira (23) que o jornalista Glenn Greenwald, denunciado nesta semana por um procurador do Ministério Público Federal (MPF), deveria ter o mesmo tipo de condenação que Julian Assange, responsável pelo caso Wikileaks. Assange foi acusado de espionagem pelos Estados Unidos e está preso em Londres desde abril do ano passado.

Com o título “Intercept é espião, não jornal”, Nêumanne diz no texto que a origem das mensagens divulgadas pelo Intercept Brasil através das reportagens da Vaza Jato é ilegal. “Até agora estou à espera de uma perícia técnica pública das mensagens em teoria interceptadas e divulgadas”, escreveu o colunista.

Em outro trecho, Nêumanne usa o aplicativo Telegram para associar Assange e Glenn. “O hacker Julian Assange, parceiro do americano no caso de espionagem do Wikileaks, preso em Londres, é acusado de espionagem pelos Estados Unidos e estupro na Suécia. Este envolveu-se com russos, origem do aplicativo Telegram, que teria sido usado pelo ex-juiz Moro e por procuradores da Lava Jato e invadidos”, afirma.

O jornal Estado de S. Paulo, assim como a Folha de S. Paulo, até então não se posicionaram – através de editorial – sobre a denúncia contra o jornalista do Intercept. Os principais veículos de mídia e jornalistas internacionais, no entanto, repercutiram a notícia e classificam como ameaça à liberdade de imprensa a denúncia do procurador Wellington Oliveira contra Glenn.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum