Fórumcast, o podcast da Fórum
19 de março de 2018, 15h06

PSOL desmente: Irmã de Marielle não é candidata

A informação falsa sobre a irmã de Marielle foi veiculada na capa da edição impressa do Jornal do Brasil. "Nós não exploramos a dor, não exploramos o luto — quem o faz é o jornal", escreveu, em nota, a direção estadual do partido

Em meio às dezenas de fakenews que começaram a surgir após o assassinato da ex-vereadora do PSOL, Marielle Franco, uma delas foi parar na capa de uma edição do Jornal do Brasil que foi às bancas nesta segunda-feira (19). De acordo com o jornal carioca, Anielle Silva, irmã de Marielle, estaria planejando uma candidatura nas eleições deste ano. A nota diz que haveria “consenso que a tragédia apresenta grandes oportunidades”.

Não há nenhuma menção à matéria no site do Jornal do Brasil, mas internautas tiraram fotos de uma das edições que foi às bancas e a notícia viralizou.

Reprodução/Facebook

No início da tarde, ao tomar conhecimento da notícia, o perfil oficial no Twitter do PSOL divulgou uma nota da Executiva do partido no Rio de Janeiro desmentindo a informação.

“Nós não exploramos a dor, não exploramos o luto — quem o faz é o jornal”, diz a nota.

Confira a íntegra.

JB MENTE: IRMÃ DE MARIELLE NÃO É CANDIDATA

Indignação é, com toda a certeza, uma palavra insuficiente para
descrever o sentimento diante da manchete de capa do Jornal do Brasil
desta segunda-feira. A exploração da dor, do luto, e da revolta
legítima de milhões de pessoas para emplacar uma chamada fantasiosa a
respeito de supostas pretensões eleitorais da irmã de Marielle Franco
é um exemplo chocante do pior tipo de prática jornalística. É
desrespeitoso com a família, é desrespeitoso com amigas e amigos de
Marielle, e é desrepeitoso com a militância do Partido Socialismo e
Liberdade, que tem vivido de forma extremamente dura e sofrida o
episódio mais brutal de sua história.

Não há nem nunca houve uma conversa de dirigentes do partido sobre a
possibilidade de candidatura de Anielle. Qualquer movimento neste
sentido não seria apenas insensível — seria absolutamente
incondizente com o tipo de construção na qual este partido acredita.

Nós não exploramos a dor, não exploramos o luto — quem o faz é o
jornal, que alça um factóide à condição de manchete de capa.
Repudiamos veementemente a acusação baixa de que haveria “um consenso
que a tragédia apresenta grandes oportunidades”. Não deixaremos que
nossa dor seja desrespeitada deste modo. Nossos militantes e dirigentes
estão unidos em um só sentimento de luto pelo atentado contra a nossa
companheira, e demandam deste jornal o mínimo de respeito e de
responsabilidade profissional que deve ser esperado em momentos como
este.
EXECUTIVA ESTADUAL

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum