Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
07 de janeiro de 2020, 15h30

Jornal Hoje, da Globo, chama partido Podemos, da Espanha, de “extrema-esquerda”

O Podemos só é chamado de “extrema-esquerda” mundo afora por veículos com linha editorial conservadora e de direita

Foto: Montagem/Divulgação

A apresentadora Maju Coutinho (Na montagem com Pablo Iglesias, do Podemos) chamou o Podemos, da Espanha, de um partido de “extrema-esquerda”, no final da matéria sobre a vitória, nesta terça-feira (7), da coalizão de centro-esquerda no Parlamento, encabeçada por Pedro Sánchez.

Assista aqui a partir do segundo 00:35.

O Podemos só é chamado de “extrema-esquerda” por veículos com a linha editorial notadamente conservadora e de direita, como o Financial Times. Este tipo de orientação segue ordens diretas do diretor geral de jornalismo da emissora, Ali Kamel, e da família Marinho.

A mesma orientação que leva os apresentadores a chamarem, por exemplo, ocupações do MST e do MTST de “invasões”.

O Podemos é um partido típico da era da internet. Foi fundado em 2014 por sindicalistas, intelectuais, personalidades da cultura, do jornalismo e do ativismo social e político.

Quatro meses depois da sua formação, o partido obteve cinco cadeiras (de um total de 54), com 7,98% dos votos, sendo a quarta candidatura mais votada do país.

Em menos de uma semana, o Podemos tornou-se o partido político espanhol mais seguido nas redes sociais.

A sua atuação política efetiva, no entanto, lembra muito mais o PT, longe, portanto, de ser de “extrema-esquerda”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum