Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de fevereiro de 2020, 23h36

Jornalista brasileiro é assassinado por pistoleiros na fronteira entre Paraguai e Brasil

Léo Veras, do site PorãNews, estava jantando com a família em sua casa em Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Mato Grosso do Sul, quando foi surpreendido por pistoleiros encapuzados

Reprodução/Facebook

O jornalista Lourenço Veras, mais conhecido como Léo Veras, foi assassinado na noite desta quarta-feira (12) em sua casa, na cidade fronteiriça de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, próximo a Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul. Ele era responsável pelo site PorãNews.

De acordo com a polícia paraguaia, Veras estava jantando com sua família quando três homens encapuzados invadiram sua residência armados com pistolas 9 milímetros. Os atiradores fizeram vários disparos e Veras ainda teria tentado fugir, mas caiu no quintal de casa. A imprensa local informa ainda que o jornalista chegou a ser socorrido em um hospital, mas não resistiu.

Ainda não há informações sobre quem são os pistoleiros, que chegaram à casa de Veras para o ataque em um Jeep Cherokee branco.

O jornalista atuava na região há 15 anos e era constantemente ameaçado de morte. Recentemente, ele concedeu uma entrevista para o programa Domingo Espetacular, da TV Record, em que falou da violência na região da fronteira, protagonizada principalmente por traficantes, e também sobre as ameaças de morte que vinha sofrendo.

Em 2013, a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) fez uma denúncia sobre as ameaças sofridas pelo jornalista. À época, Veras afirmou que continuaria seu trabalho. “Vou continuar fazendo o meu trabalho como eu faço todos os dias. Não existe ameaça que me impossibilite. Não vou me trancar em casa por causa disso”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum