Fórumcast, o podcast da Fórum
25 de janeiro de 2019, 19h15

Lula Marques: “Podem me matar, calar a Revista Fórum. Vai aparecer outro. E outro”

Fotojornalista, que é alvo junto com a Fórum de um processo movido por Jair e Eduardo Bolsonaro, fala sobre a importância de sua profissão e do trabalho jornalístico como um todo, principalmente em um governo que sequer sabe lidar com a imprensa

Lula Marques (Arquivo Pessoal)

Há mais de 20 anos registrando o Congresso Nacional e bastidores políticos em todo o mundo, o fotojornalista Lula Marques não tem medo de cara feia. E nem de processo do presidente.

Junto com a Fórum, Marques é alvo de um processo movido pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). O motivo é a publicação de uma foto feita por ele e publicada pela revista de uma conversa de WhatsApp entre Bolsonaro e Eduardo, em que num dado momento o pai diz que não vai visitar o filho na Papuda. Na ação, pai e filho pedem indenização “por uso abusivo de imagem e violação de privacidade e conduta difamatória”.

Em entrevista, Lula Marques explicou a diferença entre violação de privacidade e fotojornalismo. “Fotojornalismo é interesse público. Eu não estou aqui brincando. Estou fazendo notícia. E homem público em local público, não tem esse papo de censura. Se eu subir no muro da Granja do Torto e fizer uma foto do Bolsonaro com a Michelle, os dois de roupa de banho, isso é invasão de domicílio. Agora, dentro de um local público, não”, pontuou o fotógrafo, que acredita ser, com a sua câmera, “os olhos da população”.

Convicto, Lula Marques falou sobre a importância de seu trabalho e do jornalismo como um todo em um governo como o de Bolsonaro e garantiu: “Nada disso me deixa com medo. Podem me matar, tentar calar a Revista Fórum… Vai aparecer outro. E outro”.

Assista à íntegra da entrevista.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum