Fórumcast #20
20 de julho de 2019, 22h25

Pannunzio denuncia quem é o cagueta dos jornalistas aos diretores de redação

"Jornalistas, tenham cuidado com esse cara. Os tuítes críticos ao governo que ele intercepta vão parar no WhatsApp do seu chefe. Ele é quem fica instigando os diretores de redação contra seus subordinados por conta de posições nas redes sociais. E não apenas eles", declarou Fabio Pannunzio sobre Fabio Wajngarten

Fabio: Reprodução/Band

O jornalista Fabio Pannunzio, âncora do Jornal da Noite, da Band, fez um alerta a jornalistas que Fabio Wajngarten, da Secretaria da Comunicação Social da Presidência, atua como interceptador e denunciante de jornalistas que usam as redes sociais para criticar o governo Bolsonaro.

“Jornalistas, tenham cuidado com esse cara. Os tuítes críticos ao governo que ele intercepta vão parar no WhatsApp do seu chefe. Ele é quem fica instigando os diretores de redação contra seus subordinados por conta de posições nas redes sociais. E não apenas eles”, declarou Pannunzio.

Pannunzio mencionou um tuíte de Wajngarten que pede que o Grupo Globo vá atrás de jornalistas que usam as redes sociais para se manifestar contra o governo. “O Grupo Globo não se solidariza nem solta nota de repúdio quando seus jornalistas ecoam fakes e atacam membros do Governo. Não seria o caso do JN abrir esse espaço para notas públicas de repúdio contra mentiras e mau jornalismo?”, disse o secretário.

Veja também:  Huck rebate Bolsonaro: Compra de avião via BNDES foi "legal, sem vício, vantagem ou privilégio"

O âncora da Band ainda criticou a fala de que os repórteres estariam espalhando notícias falsas, deslegitimando o trabalho jornalístico. “Ele se vale das aleivosias de seus fabricantes de fakenews para atritar profissionais de imprensa e empresas de comunicação”, afirmou Pannunzio.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum