Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
16 de dezembro de 2019, 19h25

Pannunzio é condenado a indenizar Edir Macedo e Igreja Universal

Para desembargadores, o jornalista se excedeu ao tecer comentários após compartilhar reportagem de TV portuguesa

Foto: Reprodução

Depois de vencer, em segunda instância, batalha judicial contra o empresário Luciano Hang, da Havan, o jornalista Fabio Pannunzio foi condenado nesta segunda-feira (16) pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) a indenizar o bispo Edir Macedo, dono da Record, e a Igreja Universal por republicar uma série de reportagens da emissora portuguesa TVI.

A desembargadora Fernanda Gomes Camacho, relatora do processo, considerou que “as críticas e opiniões divulgadas pela imprensa estão protegidas pelo princípio constitucional da livre manifestação do pensamento”, mas crê que o jornalista “extrapolou do direito de manifestação, atingindo o nome e honra dos autores, motivo pelo qual devida indenização por danos morais”.

Ela afirma que ele poderia compartilhar as reportagens, mas teria exagerado nos comentários. Entre as mensagens anexadas ao processo, está uma em que ele diz lamentar “o fato de ser ateu, porque se confortaria com a crença de que [o Bispo] Edir Macedo arderia no inferno para o resto da eternidade”. Adjetivos atribuídos por ele à família do bispo – “pusilânimes, dissimulados, perversos” e “desumanos, sem coração” – também foram citados.

O tribunal determinou uma multa de R$ 20 mil para Macedo e outros R$ 20 mil para a Universal.

Com informações do R7


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum