O que o brasileiro pensa?
22 de março de 2020, 14h17

Bolsonaro fala em “alarmismo” e admite: “Posso estar errado, mas acho que deve ser tratado dessa maneira”

"Há um alarmismo muito grande por grande parte da mídia. Alguns dizem que estou na contramão", disse, após videoconferência com prefeitos

Bolsonaro e Luiz Henrique Mandetta (Foto: Isac Nóbrega/PR)

Jair Bolsonaro voltou disse neste domingo (22) que a pandemia de coronavírus é parte de “um alarmismo muito grande por grande parte da mídia” e admitiu que pode estar fazendo tudo errado em relação à tentativa de conter a propagação da doença no Brasil.

“Há um alarmismo muito grande por grande parte da mídia. Alguns dizem que estou na contramão. Eu estou naquilo que acho que tem que ser feito. Posso estar errado, mas acho que deve ser tratado dessa maneira”, disse Bolsonaro, que participou de uma videoconferência com prefeitos de grandes cidades brasileiras.

Ao lado de Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde, Bolsonaro voltou a criticar a comparação dos números do Brasil com a Itália, novo epicentro da pandemia, que surgiu na China.

“Não podemos nos comparar com a Itália. Lá o número de habitantes por quilômetro quadrado é 200. Na França, 230. No Brasil, 24. O clima é diferente. A população lá é extremamente idosa. Esse clima não pode vir pra cá porque causa certa agonia e causa um estado de preocupação enorme. Uma pessoa estressada perde imunidade”, disse.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum