domingo, 20 set 2020
Publicidade

Brasil se aproxima das 102 mil mortes por coronavírus; total de infectados passa de 3 milhões

Após atingir a triste marca de 100 mil mortos pelo coronavírus no último sábado (8), o Brasil segue apresentando números preocupantes com relação à pandemia e não mostra sinais de que a crise sanitária estará controlada em pouco tempo.

Novo balanço divulgado pelo Ministério da Saúde na noite desta segunda-feira (10) informa que o país registrou, nas últimas 24 horas, 703 novos óbitos causados pela Covid-19, o que totaliza, no acumulado desde o início da pandemia, 101.752 mil mortes.

Leia também – 100 mil mortes por coronavírus: O que Bolsonaro fez enquanto isso?

Também foram registrados, de ontem para hoje, 22.048 casos novos confirmados da doença, e o total de pessoas infectadas agora é de 3.057.470.

“Não é um número que fará a diferença”

O ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, minimizou nesta segunda-feira (10) a marca de 100 mil vidas perdidas para a pandemia do novo coronavírus.

“Não é um número que vai fazer a diferença. Não é 95, 98 ou 101 que vai fazer a diferença. O que faz a diferença é cada brasileiro que se perde. Nós precisamos compreender como parar o sangramento com diagnóstico precoce, tratamento imediato e suporte respiratório antes a UTI”, declarou.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.