Fórum Educação
08 de abril de 2020, 17h40

Brasil tem a 8ª maior taxa de letalidade do mundo por coronavírus

Segundo o Ministério da Saúde, foram 133 mortes e 2210 casos nas últimas 24h

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, participa da Comissão Geral para atualiazação da situação nacional do coronavírus

Em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira (8), o Ministério da Saúde atualizou os números do novo coronavírus no Brasil. Foram 2210 casos confirmados nas últimas 24h.

Números totais apontam que o país tem 15.927 pacientes infectados pelo vírus e 800 mortes provocadas pela Covid-19. A quantidade de mortos e infectados nas últimas 24h foi a mais alta desde o início da pandemia no Brasil: 2210 casos confirmados e 133 mortes.

Segundo o ministério, o Brasil é o 14º país do mundo com mais casos e o 8º na taxa de letalidade. A taxa de mortalidade, no entanto (óbitos por 100 mil habitantes), é a 16ª do mundo.

São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará e Amazonas seguem sendo as maiores preocupações do Ministério da Saúde, segundo o ministro Henrique Mandetta. “Manaus nos preocupa muito”, disse.

Mandetta também defendeu as medidas de isolamento social e se posicionou contra a massificação do uso da cloroquina em pacientes com Covid-19, ressaltando que 88% se recuperam sem maiores complicações e que o uso da substância pode trazer graves efeitos colaterais.

“Hoje esse medicamento não tem paternidade. Esse assunto já está devidamente colocado. Todos tenham maturidade. O presidente da República não fez nenhum tipo de imposição, mas ele também entende que nós precisamos que os conselhos analisem”, declarou.

“As duas semanas de mobilidade social nos ajudaram a empurrar um pouco pra frente [o pico]”, disse ainda.

“Como as duas últimas semanas foram semanas que nós diminuimos a mobilidade social, nós diminuímos a velocidade. Vejo que estamos começando a largar mão, muito cuidado, principalmente em grandes cidades”, alertou o ministro ao comentar sobre a queda no percentual de crescimento diário de casos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum