Fórum Educação
29 de março de 2020, 09h34

Coronavírus: Bolsonaro engana a todos, diz médica participante de campanha do governo

Já Otávio Mesquita, apresentador de TV que também estrelou a propaganda, diz que faria novamente

Foto: Reprodução

A médica e professora Ana Escobar, que foi garota-propaganda de uma campanha lançada pelo governo há duas semanas sobre coronavírus, diz que é contra a postura defendida pelo presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ), de ignorar a importância da quarentena.

“O Brasil tem que parar. O mundo está dentro de casa e nós temos que ficar também. É essencial, disse.

Sobre a campanha “O Brasil não pode parar”, ela afirma não se sentir enganada. “Sinto que todos estamos sendo enganados por um presidente que não dá valor à vida”.

Otávio Mesquita, apresentador de TV que também estrelou a propaganda, diz que faria novamente:

“Tem que tomar cuidado, mas a OMS pensa nos países que são bilionários. Os Estados Unidos têm trilhões, a Alemanha tem ouro. Se tivéssemos o dinheiro dos Estados Unidos, eu também falaria para todo mundo ficar em casa”, afirma.

O chef Carlos Bertolazzi, que também fez parte da primeira ação, não comentou a postura de Bolsonaro, mas fechou seu restaurante antes das determinações do poder público e só reabrirá quando achar seguro. “A posição é mais de cautela e tomada de decisão em conjunto com os demais restaurantes”, diz.

Com informações do Painel, da Folha


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum