O que o brasileiro pensa?
06 de maio de 2020, 20h00

Estudo da USP aponta Brasil como o novo epicentro global da pandemia de coronavírus

Segundo analistas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, ligada à Universidade de São Paulo, contagem oficial de infectados e mortos realizada pelo governo brasileiro apresenta “números muito distantes da realidade”

Covas coletivas em Manaus, Amazonas, na pandemia do coronavírus (Foto: Reprodução)

Um informe da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, ligada à Universidade de São Paulo, assegura que o Brasil já é o novo epicentro global da pandemia do novo coronavírus, superando os Estados Unidos, que lideram os rankings de infectados e de mortos, segundo os números oficiais.

Para os analistas da universidade, a contagem oficial de infectados e mortos realizada pelo governo brasileiro apresenta “números muito distantes da realidade”.

“Os resultados atrasados, a subnotificação e a falta de informes fazem com que as autoridades tenham que lidar com números que não mostram a real situação que estamos vivendo. Estamos fazendo política somente a partir dos casos de hospitalização”, comenta o professor Domingos Alves, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto.

Segundo o informe, o número real de contagiados por covid-19 no Brasil deve estar entre 1,3 milhão e 2,1 milhões de casos – superando os Estados Unidos, que têm 1,2 milhão de casos oficiais até o momento, segundo o observatório da Universidade Johns Hopkins.

O documento da USP também acredita que os mortos pela doença no Brasil podem estar em um número próximo aos dos registros estadunidenses – que já superaram a marca de 72 mil falecidos.

No entanto, o Ministério da Saúde do Brasil reconhece apenas 125 mil infectados no total, e 8,5 mil mortes. Nas últimas 24 horas, o país atingiu dois recordes: o de 10,3 mil novos casos, e o de 614 falecimentos, em apenas um dia.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum